Quando fui fazer avaliação com um Personal da clínica em que coloquei o balão, ele me falou da importância de usar um monitor cardíaco durante as atividades físicas, afinal, cansar mais, suar muito ou ficar horas na academia, não significa que irei emagrecer mais. Achei muito interessante aprender que cada frequência cardíaca corresponde a que estamos queimando, se é gordura ou carboidrato, por exemplo.

Calcular a freqência cardíaca máxima (FCM), é muito fácil, basta subtrair 220 de sua idade. Por exemplo, eu tenho 24 anos, então 220-24 = 196, essa é minha FCM. A FCM x 60% corresponde ao limite mínimo e FCM x 85% ao limite máximo.

De acordo com o site Corpo Perfeito, é fácil achar a Zona de Batimentos Cardíacos Alvo:

Por exemplo, uma pessoa de 30 anos tem o seguinte Batimento Cardíaco Máximo (BCMax): 220 – 30 = 190. Supondo que o objetivo do treinamento dessa pessoa seja a queima de gordura, a Zona de Batimentos Cardíacos Alvo dela seria entre 114 (190 x 60% [0,6]) e 133 (190 x 70% [0,7]) batimentos cardíacos por minuto.

Entendendo cada uma das Zonas de Batimentos Cardíacos Alvo (Zonas de Treinamento):

ZONA SAÚDE DO CORAÇÃO (também conhecida como Zona de Aquecimento) – Corresponde a 50%-60% do batimento cardíaco máximo.

Essa é a zona mais fácil e confortável de se exercitar e é a melhor para pessoas iniciantes ou que possuem alguma limitação funcional. A caminhada é um bom exemplo de exercício que coloca as pessoas dentro dessa zona de treinamento.

Apesar dessa zona ter sido criticada por não queimar muitas calorias e não ser intensa o suficiente para proporcionar grandes benefícios cardiorespiratórios, ela tem-se mostrado uma excelente ajuda para diminuir a gordura corporal, a pressão arterial e o colesterol.

Ela ainda diminui o risco de doenças degenerativas e apresenta pouco risco de causar lesões. Nessa zona, 10% dos carboidratos são queimados (usados como fonte de energia), 5% de proteínas são queimadas e 85% de gordura é queimada. A desvantagem é que é necessário muito tempo de atividade física nessa zona para se ter uma queima de gordura.

ZONA DE QUEIMA DE GORDURAS (também conhecida como Zona de Fitness) – Corresponde a 60%-70% do batimento cardíaco máximo.

Novamente, 85% das calorias queimadas nessa zona são provenientes da gordura, 5% de proteínas e 10% de carboidratos. Estudos têm demonstrado que nessa zona são mobilizadas gorduras para serem usadas como fonte de energia pelos músculos. Dessa forma, os benefícios dessa zona vão muito além daqueles obtidos na Zona Saúde do Coração.

Agora você vai aumentar o número de calorias queimadas e obter mais benefícios cardiorespiratórios. Como 85% das calorias queimadas são provenientes da gordura, essa é a zona preferida por aqueles que querem ficar com um visual mais definido e sarado, com um percentual mais baixo de gordura corporal.

Em relação ao tempo de atividade, a sua meta deve ser exercitar-se por 30 minutos dentro dessa zona de treinamento. Isso porque depois de 20 minutos você começa a queimar mais calorias. Seu corpo precisa de tempo para aquecer.

ZONA DE ENDURANCE/RESISTÊNCIA (Também conhecida como Zona Aeróbica) –Corresponde a 70%- 80% do batimento cardíaco máximo.

Essa é a zona preferida se você está treinando para eventos de Endurance (Resistência), tais como maratona, ciclismo, futebol, dentre outros. Nessa zona sua capacidade funcional vai melhorar muito. Há um aumento do número de vasos sanguíneos, da ventilação pulmonar, uma maior oxigenação corporal, um aumento do vigor físico e do volume de sangue bombeado.

O seu número de batimentos cardíacos em descanso vai diminuir. Mas o que tudo isso significa? Isso quer dizer que todo o seu sistema cardiovascular e respiratório vai melhorar e você vai melhorar a sua saúde, e, em particular, a do seu coração. Nessa zona, 50% das calorias queimadas são provenientes dos carboidratos, 50% das gorduras e menos de 1% das proteínas.

ZONA DE VO2 MÁXIMO (Também conhecida como Zona de Performance ou Zona Anaeróbica) – Corresponde a 80%-90% do batimento cardíaco máximo.

Os benefícios dessa zona incluem a melhora no VO2 máximo (máximo de oxigênio que você consome durante o exercício) e dessa forma uma melhora no sistema cardiorespiratório. Há, ainda, maior tolerância ao ácido lático, o que significa que a sua resistência vai melhorar e você não irá se cansar tão facilmente.

Pela intensidade ser alta, mais calorias serão queimadas nessa zona quando comparada às 3 zonas anteriores. Apesar de mais calorias serem queimadas nessa zona, 85% das calorias queimadas são provenientes dos carboidratos, 15% da gordura e menos de 1% da proteína.

ZONA DE ESFORÇO MÁXIMO (Também conhecida como “Zona da Linha Vermelha”) – Corresponde a 90%-100% do batimento cardíaco máximo.

Essa zona queima mais calorias do que qualquer outra, só que é a zona em que as gorduras são menos utilizadas como fonte de energia. Cerca de 90% das calorias queimadas são provenientes de carboidratos, 10% de gorduras e menos de 1% de proteínas.

Essa zona é tão intensa que poucos conseguem ficar nessa zona por muito tempo. Você só deve treinar nessa zona se estiver em ótima forma física. Geralmente, as pessoas usam essa zona para intercalar o treinamento. Por exemplo, você pode intercalar seu treinamento entre a Zona Aeróbica e a Zona de Esforço Máximo.

Fonte: Corpo Perfeito


Allergan

Olá!

Hoje resolvi escrever sobre a Allergan, “dona” da “marca” do meu balão, o Orbera. No dia em que coloquei o balão, após o procedimento recebi um livrinho, com número de série dele e tudo mais. Esse livrinho devo levar comigo no caso de viagens internacionais, para não ter problemas, como desconfiarem que estou levando drogas no estômago, rs. Nele, também vem as instruções para se cadastrar no site “Leve com Você“, e foi uma grata surpresa. No site, cadastrei meu médico, nutricionista e psicólogo, isso permite que eles acompanhem tudo o que acontece por lá. Há dicas de alimentação, exercícios, bem-estar, motivação e até receitas. Vou até divulgar algumas coisas por aqui!

Uma das coisas mais legais é o fórum, onde muitas pessoas que colocaram o balão trocam informações.

Logo de início cadastrei também meu peso inicial (92.7kg), e minha meta (70.0kg), e posso atualizar o peso quando quiser, e tem um gráfico para acompanhar a perda de peso e a mudança do IMC. Dá uma grande motivação ver o gráfico, rs.

Tem algumas áreas no site que não precisa ser cadastrado para ler, como Perguntas Frequentes, Pesquisa de um médico na sua região, Sobre o Orbera, entre outros. Vale a visita!

Boa sorte para nós!

Primeiro Mês

Olá! Dia 16 completei um mês balonada e com 9.9kg a menos! Estou bem animada e já fui liberada para começar academia!
Ainda não posso dizer que estou 100%, tem dias em que sinto enjoo (o que não tive nos primeiros dias) e de vez em quando ainda vomito.
Não tenho vontade de comer nada, sentir o cheiro de comida me enjoa, ver e falar sobre também. Isso tem me ajudado bastante, pois tinha medo de ter muita vontade de comer ou até de não poder comer o que gostaria.
Mas estou bastante feliz, sigo a dieta direitinho, sempre tomando muita água!
Na verdade o único liquido que consigo tomar é água, e bem gelada. De tanto que tomei água de coco e gatorade nos primeiros dias não posso nem sentir o cheiro!
No dia 9, um pouquinho antes de completar um mês, tive uma consulta com a nutricionista, fiquei impressionada de ter diminuido 12cm de barriga em pouco tempo. De perna, braço e quadril, diminui 2cm. É bem legal poder comparar as medidas a cada mês!
Agora, sobre a academia… Antes tive que fazer uma avaliação com o Personal da clínica para ele me explicar tudo o que posso e não posso fazer. Qualquer exercício que tenha impacto é proibido (correr, trote, pular corda) assim como fazer abdominal (pelo menos nesse primeiro momento). Ele também falou que qualquer exercício que fosse fazer e sentisse algum desconforto, era para parar na hora. Já fiz dois dias de academia, e foi tudo bem! Fui em uma academia de minha confiança, conversei bastante e expliquei tudo direitinho e eles montaram uns exercícios bem legais para mim! O médico pediu para que eu não ganhasse massa, mas que primeiro eu enxugue, então faço basicamente exercícios funcionais, sempre controlando a frequência cardíaca para ficar na faixa de perda de gordura!
Vamos lá e boa sorte a todos!!!

Enfim, balonada!

Olá! Finalmente coloquei o balão dia 16! Não consegui vir escrever antes. O médico preencheu o balão com 650ml, quase a capacidade máxima, que é 700ml.
Já sai de lá sentido um peso no estômago, pra andar foi horrível. Doeu muito.
Eu vomitei bastante nos 3 primeiros dias (inclusive de madrugada) e até hoje sinto dor, mais intensa a noite. Pelo menos enjoo, eu não tive.
Pra dormir está bem difícil, só pode deitar de lado virada pro lado esquerdo.
Hoje voltei ao consultório, já perdi quase 2kg, e nesta sexta tenho mais uma consulta.
Espero que essa dor passe logo!

É amanhã!

Finalmente está chegando o grande dia! Hoje fiz a dieta para poder colocar o balão. Apenas líquidos (água, água de coco, gatorade, chás claros), sopa batida no liquidificador e picolé ou sorvete de frutas.
Foi tudo bem até umas 15h. Após isso a fome começou a pegar. Pra mim o final da tarde e à noite são os piores períodos. Além de sentir fome, tenho muita vontade de comer.
Durante a manhã tomei um gatorade de tangerina, no almoço uma sopa batida e depois um picolé. Passei a tarde tomando chá de camomila e agora vou tomar a sopa novamente.
À partir das 21h começa o jejum total até as 9h, para colocação do balão.
Estou animada! Vamos lá!

Deu Certo!

Olá!
Uhuuuull, estou feliz. Me ligaram da clínica que deu tudo certo com a endoscopia! Colocação do balão agendada para sexta-feira!

Olá!

Olá! Este é meu primeiro post aqui no blog.

Venho há muitos anos lutando contra a balança, já tentei várias dietas, tomei vários remédios e visitei diversos médicos, nutricionistas, academias então, nem se fala…

Sinto que já tentei de tudo, e quando me deparei com um peso acima de 90kg,  me assustei bastante e comecei a pensar muito na saúde, e não apenas em emagrecer por estética.

Nunca consegui levar dietas por muito tempo, principalmente por meus hábitos alimentares não serem dos melhores. Na verdade, é horrível. Nunca tive o hábito de comer saladas, verduras e frutas. Sou viciada em massas e comida caseira. Sinto que é hora de mudar, de procurar ajuda, e de mudar minha vida.

Em meio a uma festa infantil, ouvi falar sobre um método que até então não conhecia, o Balão Intragástrico. No começo, achei um exagero ter que apelar para isso para emagrecer, mas em poucas horas pensando, principalmente sobre tudo o que já tentei, e sempre sem êxito, percebi que eu não conseguiria sozinha, não tinha força de vontade suficiente e os resultados (em sua maioria muito pequenos), demoravam muito para aparecer.

Então, comecei com uma pesquisa na internet básica, encontrei um médico e marquei uma consulta para saber mais sobre o assunto, logo para a próxima semana. O médico, um gastro, é claro, trabalha há onze anos com isso e me passou muita confiança. Neste primeiro momento ele me explicou melhor, e disse que milagre não existe, o balão fica por seis mêses no estômago, e quando é tirado, novamente é só comigo!

O maior motivo que me levou a esta decisão, foi  a rápida perda de peso que proporciona e o estímulo que isso vai trazer. A média de perda de peso no primeiro mês é de 8kg a 9kg! Anima a qualquer um, não é mesmo?

O Dr. também me falou, que as melhores indicações para colocação do balão, é para quem está a faixa de sobre peso e obesidade grau I (o meu caso), e que poderia esperar perder de 20% a 30% do meu peso atual. Sempre seguindo direitinho a dieta e claro, com exercício físico. Ele me mostrou no consultório o balão, fiquei um pouco assustada com o tamanho e com o peso dele, mas isso é besteira da minha cabeça. É praticamente uma bola de silicone, que vai ser preenchida com soro azul, o que facilita ver pela urina, caso ocorra algo com o balão. E, se isso acontecer é só entrar em contato com a clínica e retirá-lo.

Todo o procedimento, tanto de colocação como de retirada, é via endoscopia. Um procedimento simples e indolor. O balão é colocado vazio, e quando está na posição correta é preenchido com o soro azul. Na hora de retirar, o balão é estourado e assim que vazio, retirado da mesma forma com a qual foi colocado. O Dr me mostrou a localização em que o balão será colocado, fica um espaço vazio na parte de baixo do estômago, aí vem o balão, e então sobra um espaço de 20% a 30% do estômago vazio. Os primeiros três ou quatro dias, são os piores, segundo o médico. Mas isso depende muito de pessoa para pessoa. Tem gente que passa muito mal (vômitos, dor de estômago) nos primeiros dias, e outras não sentem nada. A psicóloga disse que não é para eu me asssustar com a barulheira no meu estômago, pois ele vai querer digerir o balão. Demora um pouquinho para o estômago entender que o balão é meu, eu comprei e que ele vai ficar ali por um tempo.

Bom, caso vá me lembrando de algo a mais que ele me falou, irei colocar aqui.

Agora, vamos a parte mais importante. Tomar a decisão.

Decidi colocar o balão, afinal, é um método pouco invasivo, com riscos mínimos e muito mais natural do que muito remédio por aí. Já nesta primeira consulta o Dr. me passou os custos de todo o procedimento e do balão, que será pago separadamente. Também saí de lá com as requisições para diversos exames de sangue, uma ultrassonografia do abdomen superior, endoscopia, avaliação com cardiologista, nutricionista e psicólogo. Ufa, passei por tudo isso. A parte que mais me assustou foi da endoscopia, pois nunca passei por qualquer procedimento, estava bastante nervosa em ter que tomar anestesia, medo de agulha, e tudo mais. Hoje, fiz o último item que faltava, fiz a temida endoscopia. Fiquei nervosa à toa, não senti nadinha! Foi tudo ótimo e me deixou muito mais segura e preparada para a próxima fase, a colocação do balão. Na verdade, só não está tudo 100% porque minhas veias são muito finas, e a anestesia era um liquido branco e grosso, então estou com o braço bem dolorido e roxo, mas faz parte.

Antes da anestesia, fiz a avaliação com a nutricionista. Na verdade, fiz tudo lá na clínica, exceto os exames de sangue e a ultrassonografia. A nutricionista fez um exame do qual eu nunca havia ouvido falar: bioimpedância. É um método muito moderno, totalmente indolor e rápido, que vê toda a composição corporal. Quanto tem de água, gordura, massa magra, etc. Achei bem legal! Nesta consulta, que foi no dia 08/12 estava com 92,7kg. A nutricionista já me passou a temida dieta, para os primeiros 27 dias. Um dia antes da colocação do balão, e nos cinco dias após, a dieta é apenas líquida, mas vou deixar para falar melhor disso em outro post.

Ai, ai, estou ansiosa, pois amanhã saberei se deu tudo certo na endoscopia. Se tiver tudo bem, e vai tar (pensamento positivo, sempre), irei colocar o balão sexta-feira, dia 16, ás 9h da manhã. E irei neste blog, dividir esta experiência!

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: